Modelo Geral da Administração de Produção

  Síntese da vida profissional

  Prof. Ivan Arenque Passos

  • Ivan Arenque Passos, casado, 40 anos, Bacharel em Administração em

  Comércio Exterior – UNIP/SP, MBA marketing – FGV/ES, Administração Estratégica – University Central Florida EUA, Mestrando Administração Estratégica. Membro do Programa de Administração de Varejo da Fundação Instituto de Administração (FIA- USP) – Coordenador Pós-Marketing (FESV)

  • – Coordenador Acadêmico (GBS- IBMEC) – Consultor (MKTPASSOS)

  Esteve trabalhando nas seguintes empresas:Parte 3

  Consultoria e treinamento em Adm. E Marketing – MKTPASSOS Se •

  especializou nas áreas:

  Gestão da Qualidade Total, Marketing Varejo, Produto, Serviços, Pessoal, •

  Prof. Ivan Passos Social e Cultural e Administração. www.mktpassos.com

  mktpassos@gmail.com

  Prof. Ivan Passos – mktpassos@gmail.com – www.mktpassos.com OBJETIVO (S) ESPECÍFICO (S)

  a) Conhecer os sistemas de organização da empresa industrial

  EMENTA

  ou de serviços, desde a etapa de dimensionamento da sua

  Conceitos e evolução da Administração da

  capacidade de produção até o estabelecimento do projeto de trabalho;

  Produção e Operações. Medidas de

  b) Conhecer os fundamentos do cálculo da produtividade Produtividade. Planejamento da Capacidade. empresarial;

  Localização da Empresa. Projeto de Processos,

  c) Conhecer os processos do projeto de produtos e serviços, bem como o projeto da rede de operações produtivas;

  Produtos e Serviços. Projeto da Rede de

  d) Saber os conceitos e a metodologia para operacionalizar e

  Operações Produtivas. Projeto e Medida do

  avaliar o processo produtivo, buscando a sua racionalização

  Trabalho. Arranjo Físico de Instalações. Os

  com as modernas técnicas de planejamento e controle da produção;

  Sistemas de Planejamento e Controle de

  e)Saber aplicar e exercitar um conjunto específico de técnicas Produção. que auxiliem o tomador de decisão a reconhecer as particularidades do seu problema e estruturá-lo.

  3

  4

  COMPETÊNCIAS: OBJETIVO GERAL O aluno deverá ter uma visão geral,

  Classificar os sistemas de produção em função das características de mercado

  integrada e estratégica da função produção, das responsabilidades que Dominar o uso das ferramentais usuais de planejamento e controle das

  operações dos sistemas produtivos, bem como de atividades de

  são atribuídas aos gerentes de

  projetos

  produção e das diversas ferramentas

  Compreender e saber relacionar os preceitos de projeto de produtos e

  disponíveis para o desempenho desta

  as suas interações nos projetos de processos e nas operações de produção em cenário de mercado globalizado

  função.

  Conhecer o Sistema de Gestão da Qualidade Total e a sua importância na obtenção da qualidade dos produtos e na produtividade e competitividade das organizações.

5 Administração da Produção e Operações

  Administração da Produção e Operações

  Unidade I – Introdução a Administração da Produção e Operações Unidade IV – Localização da Empresa – Idalberto - cap 4 pag 82

  1.1 Conceito da APO - Heizer cap 1 (aula 1 e 2)

  4.1 Importância das Decisões sobre localização (aula 8)

  1.2 Marcos Históricos na APO (aula 1 e 2)

  4.2 Fatores que influenciam no processo de localização (aula 8)

  1.3 Fatores que afetam a APO (aula 2 e 3)

  1.4 Objetivos da APO (aula 2 e 3)

  4.3 Avaliação das alternativas de localização (aula 9)

  4.4 Perspectiva da rede de operações (aula 9) Unidade II – Produtividade

  2.1 Definição de produção e produtividade ( aula 3) Unidade V – Layout das Instalações Idalberto - cap 4 pag 87

  2.2 Administração da Produtividade (aula 3)

  5.1 Objetivos dos Layouts das instalações (aula 10)

  2.3 Medida da Produtividade (aula 3)

  5.2 Manuseio de Materiais (aula 10)

  2.4 Meios para aumentar a produtividade (aula 4)

  2.5 Projeto e Medida do Trabalho (aula 4)

  5.3 Decisões sobre Alternativas de Processamento (aula 11)

  5.4 Decisão sobre Alternativas de Processamento (aula 11) Unidade III – Planejamento da Capacidade Idalberto - cap 4 pag 83

  3.1 Aspectos gerais (aula 5) Unidade VI – Projeto de Processos, Produtos e Serviços Idalberto - cap 5 p107

  3.2 Planejamento de Capacidade larry cap 6 (aula 5)

  6.1 Projeto em Gestão da Produção Larry cap 2 (aula 12)

  3.3 Medida da Capacidade (aula 6)

  3.4 Expansão da capacidade (aula 6)

  6.2 Vantagem competitiva do bom projeto (aula 12)

  3.5 Avaliação econômica de alternativas de capacidade (aula 7)

  6.3 Projeto de Processos, Produtos e Serviços larry cap 2 (aula 13)

  3.6 Abordagem Sistemática para Decisões de Capacidade (aula 7)

  6.4 Etapas do Projeto (aula 14)

  • Tipos de Projetos de Processos - Decisão sobre Alternativas de Processamento

  Informaç ões Consumidor

  Projeto Objetivo:

  OUTPUT Bens e serviços Estraté gia de produç ão Objetivos estraté gicos da produç ão Papel e posiç ão competitiva da produç ão ambiente ambiente

  Input Recursos de transformaç ão projeto Planejamento e melhoria controle

  INPUT Instalaç ões pessoal

  Informaç ões Consumidor

  Input Recursos a serem transformados Materiais

  OUTPUT Bens e serviços Estraté gia de produç ão Objetivos estraté gicos da produç ão Papel e posiç ão competitiva da produç ão ambiente ambiente

  Input Recursos de transformaç ão projeto melhoria Planejamento e controle

  INPUT Instalaç ões pessoal

  Recursos a serem transformados Materiais

  Modelo Geral da Administração de Produção Input

  10 AULA 11 Ao final desta aula o aluno deverá ser capaz de: - Conhecer os procedimentos de arranjo físico.

  7.4 Produção Enxuta (aula 16)

  7.3 Sistemas de Produção (aula 16)

  7.2 Administração de Estoques Idalberto - cap 6 pag 135 (aula 15)

  Idalberto - cap 5 pag 100, 117

  7.1 Introdução aos Sistemas de Planejamento e Controle de Produção

  Unidade VII – Sistema de Planejamento e Controle da Produção

  Administração da Produção e Operações Plano de Ensino

  • – O Objetivo da atividade de um projeto é satisfazer às necessidades dos consumidores

  Aplicabilidade:

  • – A atividade de projeto aplica-se tanto a produtos / serviços quanto a sistemas (denominados processos)

  Escolha de um Projeto Projeto

  Redução progressiva do número de alternativas até que o projeto final seja obtido

  Motivação: Conceito

  • – A atividade de projeto é, em si mesma, um

  Grande número

  processo de transformação

  de opções de

  Incerteza

  Projetos

  Desenvolvimento s em relação

  • – O projeto começa com um conceito e termina

  ao projeto

  Filtros de

  final com a tradução desse conceito em uma o p

  Avaliação

  m especificação de algo que pode ser produzido e

  e Escolha

  T Certezas em relação ao projeto

  Um Projeto

  final Especificação do Projeto

  Tipos de Projetos de Processos Avaliação de Opções em Projeto

  • Definição
  • Significa avaliar a importância de cada opção do projeto,
    • – Entende-se por projetos de processos, as maneiras de se gerenciar de maneira que uma possa ser escolhida.

  o processo de transformação.

  • Categorias Principais:
  • Fatores Críticos
    • Viabilidade:
    • – O volume e a variedade dos outputs influenciam fortemente na

  • Quão difícil é?

  escolha do processo de transformação

  • Podemos Fazê-la?
  • Quais investimentos financeiros e gerenciais são necessár
  • Projetos de Processos são encontrados tanto em
    • Aceitabilidade

  manufatura quanto em serviços

  • Quanto vale a pena?

  Manufatura Serviços

  • Queremos Fazê>Processos de Projetos •Serviços profissio>Qual retorno em melhoria de desempenho e financeira dar&aacu
  • Processos de Jobbing •Lojas de serviços
    • Vulnerabilidade

    >Processos em lotes ou batel>Que pode dar err>Serviços de massa
  • Processos de produçã
  • Queremos correr risco?

  massa

  • Quais riscos corremos se as coisas saírem erra
  • Processos contínuos

  Tipos de Processos em Manufatura 01 - Processos de Projetos Baixo Alto Volume

  Lidam com produtos discretos e de alta customização Alto

  Tempo de produção é bastante longo Projetos

  Baixo volume e alta variedade Jobbing

  Os recursos são consumidos durante o projeto Lotes ou bateladas

  Exemplos: e d

  Construção de navios

  a d e

  Construção de um complexo viário

  ri a

  V Produção de filmes Em massa

  Instalação de um sistema de computadores

  Contínuos Baixo

  02 - Processo de Jobbing (Job Shop) 03 - Processo em Lotes ou Bateladas

  • Baixo Volume e alta variedade
  • Menor variedade que o processo de Jobbing, por&eacu>Os recursos de produção processam uma série de maior volume de produção produtos
  • Pouca necessidade de Mão de obra especiali
  • Exige mão de obra especializada: Ferramenteiro,
  • Processos relativamente repetitivos Restauradores, alfaiates, etc
  • Exemplos:
    • – Produção de Máquinas Ferramentas

  • Exemplos:
    • – Fabricação de peças para indústria automotiva
    • – Roupas sob me>– Fabricação de roupas industrializadas
    • – Produção de convite para um determinado ev>– Produção de alimentos congelados especiais
    • – Restauração de móveis ou obras de arte
    • – Produção de camisetas promocionais

  04 - Processos de Produção em Massa

  05 - Processos Contínuos

  • Volumes maiores que a produção em massa e variedade ainda mais baixa
  • Caracterizam-se por longos períodos de operação
  • Em geral, trata-se de produção em fluxo contínuo (produtos não discretos)
  • Elevado investimento em equipamentos
  • Exemplos:
  • Produção em Alto volume e baixa variedade
  • Exige equipamentos especiais
  • As atividades são amplamente previsíveis
  • Exemplos:
    • – Fabricante de automóveis
    • – Fabricante de televisores
    • – Engarrafamento de refrigerantes
    • – Produção de CDs
    • – Refinarias de petróleo
    • – Instalações de eletricidade
    • – Siderúrgicas
    • – Indústria de Papel e Celulose

  Tipos de Processos em Serviços Serviços Profissionais Volume

  • Organizações de alto contato, em que os clientes despendem tempo considerável no processo do serviço
  • Baseiam-se em pessoas em vez de equipamentos
  • Ênfase no “processo” (como o serviço é prestado) em vez de no “produto” (o que é fornecido
  • Exemplo:
    • – Consultores de gestão
    • – Advogados – Arquitetos – Serviços na área de informática

  V a ri e d a d e

  Baixo Alto Baixo Alto

  Lojas de Serviços Serviços de Massa Serviços Profissionais

  Serviços de Massa

  Lojas de Serviços

  • Envolvem muitas transações de clientes, com tempo limitado e baixa customização
  • Utilização de procedimentos previamente definidos
  • Agregação de valor realizado no escritório de retaguarda
  • Exemplos:
  • Customização, volume de clientes e liberdade de decisão do pessoal encontram-se em níveis intermediários em relação aos serviços profissionais e de massa
  • O serviço é proporcionado tanto pelo pessoal de retaguarda quanto pela linha de frente
  • Exemplos:
    • – Atendimento em serviço público
    • – Serviços de transportes (metroviário, transporte urbano coletivo)
    • – Serviços de Telecomunicações
    • – Bancos – Lojas de ruas comerciais e Shopping Centers – Empresas de aluguel de veículos
    • – Restaurantes

  Ao final desta aula o aluno deverá ser capaz de:

  Administração da Produção e Operações Unidade VI – Projeto de Processos, Produtos e Serviços

  • Explicar como as operações de produção podem ser uzadas como arma competitiva.
  • Descrever as operações em termos de entrada, processos, saida, fluxo de informação, fornecedores e clientes.
  •   6.1 Projeto em Gestão da Produção

      6.2 Vantagem competitiva do bom projeto

      6.3 Projeto de Processos, Produtos e Serviços

      6.4 Etapas do Projeto

    • Projetando processos
    • Principais decisões que envolvem os processos
    • Ambiente dos projetos: vantagens competitivas

    27 AULA 12

      Administração da Produção e Operações Administração da Produção e Operações

      Unidade VI – Projeto de Processos, Produtos e Unidade VI – Projeto de Processos, Produtos e Serviços Serviços

    6.1 Projeto em Gestão da Produção

      6.2 Vantagem competitiva do bom projeto Administração da Produção e Operações AULA 13 Unidade VI – Projeto de Processos, Produtos e Serviços

      Ao final desta aula o aluno deverá ser capaz de: - Conhecer as técnicas modernas de gestão e planejamento de projetos.

    • Entender a aplicação das técnicas de gestão de projetos a projetos de processos de produtos e de serviços.

      6.3 Projeto de Processos, Produtos e Serviços

      Definição e Organização de Projetos

    • Planejamento de Projetos - Monitoramento e Controle de Projetos

      31

      Documentação do produto

      Uma vez definido o produto (ou a alteração), este deve ser documentado. As formas mais usuais de documentação são:

    • explosão: faz-se um desenho do produto “explodido”;
    • diagrama de montagem: define-se a seqüência de montagem do produto;
    • estrutura analítica: defini-se a composição do produto em
    • lista de materiais ( bill of material – BOM): listam-se todos os materiais que compõem o produto;

      seus níveis hierárquicos;

      Professor José Alberto Exemplo de Explosão Exemplo de Diagrama de Montagem

      R e ten to r Pa rafu so c o m p o rca P arafuso c om po rca (2 ) C an to ne ira R 2 0 7

      1 A 1

      3 C an to ne ira R 2 0 9

      2 SA 1 M o n ta g em do su p o rte e sq u erdo P arafuso c om po rca (2 ) C an to ne ira R 2 0 7

      4 A 2

      6 C an to ne ira R 2 0 9

      5 SA R o la m e nto R 40 4 2 M o n ta g em do su p o rte e sq u erdo

      7 A 3

      9

      8 C aix a p ara e m b alag e m E tiq u e ta c o m n ú m ero d o ite m A 4 1 0 1 1 A 5 A = m o n tag e m S A = su b m o nta g em

      Exemplo de Estrutura Analítica Cantoneira R 209 Peça XYZ Suporte Parafuso Rolamento Retentor Cantoneira R 207 Parafuso Porca Etiqueta

Documento similar